"O telectroscopio",
O Commercio do Porto, XXVI anno, n°241.
Terça-feira 7 de outubro de 1879, Porto.



Notice

Cet article du Commercio do Porto rend compte de l'intervention auprès de la rédaction de ce journal de Adriano de Paiva, suite à l'article  "O telectroscopio" paru le 4 octobre, qui rendait compte du télectrocope du français Constantin Senlecq, mais ignorait les travaux menés à Porto même par de Paiva. Pour enfoncer le clou et donner une plus grande notoriété à ses propositions, de Paiva publiera quelques mois plus tard sa brochure en français et en anglais, La téléscopie électrique basée sur l'emploi du sélénium.

Somos informados de que o notavel apparelho physico d'este nome, de que demos noticia em a nossi folha de sabbado, e que os jornaes estrangeiros annuanciain como una novidade scientifica inesperada, não deve assina ser conside rado entre nós, onde um professor laborioso, um distinctissimo filho da Universidade, cuida ha bastante tempo da sua realisação.

Este professor é o snr. dr. Adriano de Paiva de Faria Leite Brandão, lente de physica da Academia Polytechnica d'esta cidade, o qual vei em dous annos que publicou no instituto de Coimbra um desenvolvido artigo, sob o titulo de "Telephonia, telegraphia e telescopia", em que o novo instrumento era concebido de um modo inteiramente similhante áquelle por que é agora annunciado.

A' vista d'elle, aprioridade da invenção, sobretudo no que n'ella ha de mais importante - a applicação do selenio - não pôde com justiçia deixar de ser considerada portugueza, constituindo assim uma gloria para o distincto academico e para o bom nome portuguez, em geral.

E' muito possivel que o trabalho do snr. dr. Adriano de Paiva, publicado ha tanto tempo, não fosse desconhecido do constructor francez, que, comtudo, nem mesmo chega a mencionar o nome do sabio professor portuense.

Bom será que um estrangeiro se não aproveite, em tão util invento, do que um professor portuguez applicado conseguiu pelo seu trabalho e pelo seu talento, escondondo o nome que cooperou para obra de tanta monta.

Que a prioridade na apresentação da ideia fundamental da telescopia pertence ao snr. dr. Brandão prova-o de sobejo o texto e a assignatura dp artigo do Instituto a que já acima nos referimos.

Oxalá de futuro se não perca mais essa gloria que o nome portuguez póde conseguir no campo da sciencia.

Temos tambem informações de que até ainda ha pouco se não conheciam ideias de uma invenção d'este genero no estrangeiro.


 



Histoire de la télévision       © A. Lange

Dernière mise à jour : 11 janvier 2002